Técnicos da Agência Estadual de Metrologia fazem treinamento para identificar balanças falsas

Categoria: NOSSO TRABALHO | Publicado: terça-feira, janeiro 3, 2017 as 14:22 | Voltar

Campo Grande (MS) – A equipe técnica da Agência Estadual de Metrologia de Mato Grosso do Sul (AEM/MS), órgão do governo do Estado vinculado à Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico (Semade) e delegado do Inmetro recebeu treinamento para identificação de balanças falsificadas da marca Toledo e outras que estão sendo comercializadas no país. O evento técnico foi realizado no dia 29 de dezembro, em parceria com a Toledo do Brasil.

Além da marca, os selos não são originais. Algumas balanças já apreendidas em outros estados estão com um tipo de selo que não é utilizado neste tipo de equipamento e com selo do Inmetro que não existe, ou é falsificado. Nesse caso, a cor utilizada não é a do padrão estabelecido pelo órgão metrológico.

Segundo Geraldo Ferreira, Gerente Regional da Toledo do Brasil, que proferiu a palestra, o uso de balanças que não são verificadas representa um risco de comércio injusto, se eventualmente as balanças não estiverem pesando corretamente.

Por não obedecer à legislação metrológica em vigor, essas balanças não podem ser utilizadas para venda direta ao consumidor, assim sendo são caracterizadas como utensílios domésticos, porém algumas pessoas na tentativa de “driblar” os compradores em potencial e vende-las como balanças comerciais, estão “caracterizando-as” com adesivos, etiquetas e selos de empresas fabricantes de balanças autorizadas pelo Inmetro.

Nilton Rodrigues, presidente da AEM/MS, pontua que o comerciante pode ser multado e ter o instrumento apreendido pela falta de aprovação de modelo, pelo peso incorreto e por eventuais riscos de acidentes pelo fato da balança não atender a outras normas de segurança.

Falsificação

Como identificar uma balança falsificada?

Basicamente, o item que mais evidencia a falsificação são as quatro teclas de memória presentes próximo ao visor do instrumento e que não existem em balanças aprovadas pelo Inmetro.

balanca-materia-inmetro-2

Orientação

A Agência Estadual de Metrologia e o Inmetro orientam que os comerciantes não comprem produtos em sites ou locais não confiáveis, que desconfiem do preço muito abaixo de mercado e que busquem informações sobre o produto, pois cada um possui uma “Portaria de Aprovação para Instrumento” publicada pelo Inmetro, acessível no site do órgão.

  • Pesquise bastante e dê preferência pela compra em empresas autorizadas pelo Inmetro.
  • Em caso de compra pela internet, veja se a fabricante possui algum e-commerce próprio, caso não, dê preferência por sites especializados.
  • Exija nota fiscal de compra e certificado de garantia.
  • Verifique se o equipamento possui lacre e etiqueta do INMETRO, etiqueta de verificação inicial, placa de identificação e se os dados da placa de identificação correspondem com a nota fiscal.
  • Verifique as etiquetas utilizadas pelo Inmetro:

balanca-materia-inmetro-3

Denúncia

Em caso de dúvidas ou suspeita de irregularidades, o comerciante ou o consumidor pode denunciar à Agência Estadual de Metrologia na ouvidoria pelo 0800 67 5220 (preferencialmente) ou ouvidoria@www.aem.ms.gov.br e ainda no INMETRO através do telefone 0800 285 1818. A ligação é gratuita e todas as denúncias são apuradas.

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.